sexta-feira, agosto 17, 2007

" Eu já..."


Já fui aquilo que sonhei acordado
Já sonhei aquilo que sou a dormir
Já fui aonde não pude voltar
Mas de lá sempre vim a sorrir

Já olhei para depois das estrelas
Apenas para ver por trás delas
Já estive de olhos abertos
Apenas para ver a luz das velas

já tentei tocar nas nuvens
Apenas para ver que não chegava
Já fui mais pkno que o meu aquario
Apenas para ver se a agua molhava

Já caminhei por linha invisivel
Já cai de metros de profundidade
Já li palavras vindas do ar
Já vivi mais que a minha idade

Já ditei olhares unicos
Apenas para ouvir sua definição
Já saboriei palavras imensas
Apenas para saber se sabiam bem ou não

Já fiz muito do que não devia
Apenas para provar o que não podia
Mas em tudo voltei para cá
Apenas para cá estar mais um dia

5 comentários:

pulguinha_da_ml disse...

É tão bom acordar e ler coisas tão bonitas como este poema.
Há pessoas que escrevem umas coisas, tu Heartless escreves uma coisa apenas. O que sentes!
Parabéns por esse teu Dom,continuo a achar que o deverias trabalhar e usufruir dele. Deixo-te um beijinho, no anseio de ler mais e mais e mais.

Os documentários das minhas caçadas disse...

Palavras para que!?!??
Tens o dom da palavra. Tu brincas com as palavras. Parabens. bejs

Anónimo disse...

:)
foste tudo isso...
Sem saberes o que és...!
:P

Joana Blue disse...

Por muitas voltas k dês e por muitos caminhos, bons ou maus, k percorras, espero k voltes sempre, pois sempre valerá a pena. Tudo o resto será mais uma aprendizagem, mais uma lição de vida e... ainda bem que assim o é!
Parece k continuas a escrever sempre com a mesma alma.. :)
Fico à espera de mais posts pekeno :P
Beijinhu

l_eau_d_issey disse...

...gosto do que escreves miúdo...beijokitas...