terça-feira, dezembro 18, 2007

"How?"



How can you stand away from everyone
How can you stand up thruw the pain
How can you stand refusing to atone
How can you stand looking thruw the rain


How long will you stay silent and watching
How long will your life be dark and frozen
How long will you run from your problems
How long will you go against what you have choosen

How much longer will you cry yourself out
How much longer will you see others pass by
How much longer will you give yourself away
How much longer will you see yourself in a lie

How will you stop hating yourself for what you haven't done
How will you stop escaping and say what you sworn
How will you stop hiding from everyone in your life
How will you live, when everyone is all gone

3 comentários:

ShootingStar disse...

heartless, és especial :) ****
gmdt!

Korina disse...

vai ser dificil deixar um comentário "consistente" mas vou tentar oki? ^^

1º tanta pergunta :p lol
eh um pouco dificil entender/perceber se estás a falar de ti ou de outra pessoa (apesar de no 'poema' falares na 3ª pessoa), contudo são perguntas pertinentes ^^ que cada um pode fazer.

Além disso, escreves sempre maravilhosamente bem, por isso keep up :)

kiss kiss * * ** * * ***

Joana Dark disse...

Bem.. fikei exactamente com a mesma impressao da Korina.. afinal falamos de kem? :)
Este "alguém" sente a solidao acompanhada, sente que vive enclausurado nos seus medos, receios e blokeios.. Medo de falhar? Medo de deixar passar? Medo de se dar a conhecer? Esse "alguém" tem de reconhecer em si o quao importante é, pois cada um de nós é especial, cada vida é de um valor incalculável, com dons e lacunas... a nossa missão é manter o k de bom temos, e melhorar o que de mau nos foi deixado. Falhas acontecem todos os dias... mas a indiferença? o "deixa andar"? Jamais poderão ser perdoados, pois a missão estará a ser colocada de lado, para uma atitude futil e superflua da vida.